Eneias Farias Tavares

Descrição:

Possui graduação em Letras Português/Inglês e respectivas Literaturas pela Universidade Federal de Santa Maria (2005). Concluiu mestrado em Literatura Comparada (2008) pela mesma instituição sob orientação do Prof. Dr. Lawrence Flores Pereira. Durante a escrita da dissertação, traduziu "Otelo - O Mouro de Veneza", de Shakespeare, trabalho que recebeu montagem teatral sob a direção de Aline Castaman. Sua tese de doutorado (2012) trata da arte poética e pictórica de William Blake. Em 2011, realizou parte de sua formação (doutorado sanduíche) na Universidade de York (Inglaterra) sob orientação do professor Michael Phillips e no Morley College of London, onde reproduziu a técnica usada pelo artista inglês para criar seus livros iluminados. É pesquisador do Laboratório Corpus e Professor Associado do Departamento de Letras Clássicas e Linguística, onde atuou como chefe de departamento entre 2013 e 2014, do Centro de Artes e Letras da UFSM. Foi coordenador substituto do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFSM entre 2014 e 2016. Em 2014, publicou "A Lição de Anatomia do Temível dr. Louison", primeiro volume da série de ficção retrofuturista Brasiliana Steampunk, romance ganhador do Prêmio Fantasy, da Casa da Palavra/LeYa. Em 2017, junto de AZ Cordenonsi e Nikelen Witter, publicou o romance "A Alcova da Morte", primeiro volume da série de ficção científica e fantasia Guanabara Real. No ano seguinte, o romance foi o ganhador dos prêmios LeBlanc (Melhor Romance Fantástico de 2017) e AGES (Melhor Romance Juvenil de 2017). De crítica, organizou três volumes (Editora da UFSM, 2014, 2017 e 2021) de "Discursos do Corpo na Arte", em parceria com Gisela Biancalana e Mariane Magno. Em 2018, pela editora Arte & Letra, publicou "Fantástico Brasileiro: O insólito Literário do Romantismo ao Fantasismo", livro escrito em parceria com Bruno Anselmi Matangrano e decorrente de exposição itinerante que mapeia a história da literatura fantástica em nosso país, já tendo percorrido estados como RS, PR, SP e RJ. No mesmo ano, lançou com o ilustrador Fred Rubim a HQ "A Todo Vapor!", quadrinho inspirado na série audiovisual homônima, tanto em formato Webcomic quanto em formato impresso. O projeto ganhou um HQ Mix em 2021 na categoria Produção para Outras Linguagens. Em 2019, publicou o romance "Juca Pirama Marcado para Morrer", pela editora Jambô, e a Graphic Novel "O Matrimônio de Céu & Inferno", esta em parceria com o ilustrador Fred Rubim. Em 2020, publicou o romance transmídia "Parthenon Místico" pela Editora DarkSide Books e no ano seguinte organizou, para a mesma editora, novas edições dos clássicos "O Retrato de Dorian Gray" e "A Máquina do Tempo". Em 2021, "Parthenon Místico" foi finalista dos prêmios Jabuti e Argos e vencedor do prêmio Odisseia. Na Pós-Graduação, Tavares tem orientado trabalhos de mestrado e doutorado que envolvem Literatura Fantástica Brasileira, os Livros Iluminados de William Blake e a relação entre Poesia e Pintura no Século XIX, além de ministrar na UFSM o Curso Livre "Escrita de Ficção", curso que decorre de seu projeto de extensão e coluna mensal no Portal CosmoNerd intitulados Bestiário Criativo. Trabalhou por dez anos na Universidade Aberta do Brasil (UAB) como Professor Pesquisador do Curso de Letras a Distância. Em 2019, criou o ORC Studio, laboratório multifuncional de Economia Criativa que fomenta a produção de livros, jogos, quadrinhos e projetos audiovisuais. Em 2020 assumiu a Coordenação dos Cursos de Letras - Licenciaturas da UFSM e em 2022 assumiu a direção da Editora da UFSM.

Lattes:

Data da última alteração no lattes: 19/01/2022 12:01

Nome em citações:

TAVARES, Enéias Farias

Email:

Não informado

Coautores: